Dados / Estatisticas

A água ocupa três quartas partes da superfície da Terra. No entanto, apenas 3% correspondem a água doce, que está repartida entre os gelos que cobrem as regiões polares e as profundezas dos solos.

As águas superficiais que estão disponíveis para a utilização do Homem, representam apenas 1%.

 

 

Nas Sociedades Primitivas, as populações estabeleciam-se em planícies junto aos rios em busca de água, alimentos e defesas naturais. A água era usada para rega e a agricultura era o principal factor de desenvolvimento. Para as populações sediadas em regiões sem rios de água abundante, a água era conseguida à custa de esforços monumentais.

 

Desde a Antiguidade Clássica que se utilizam máquinas de elevação de água.

 

Na Idade Média, as condições sociais determinaram a tendência para substituir o trabalho manual por máquinas accionadas pela água, e nos séculos X e XI expandiu-se a utilização da roda hidráulica.

 

Com o desenvolvimento científico e tecnológico decorrente da Revolução Industrial, o Homem passou a dispor de materiais, equipamentos e técnicas que lhe permitiram construir sistemas mais eficazes para a captação, transporte e distribuição da água.

 

Hoje, a água tornou-se um produto de consumo fácil para muitas pessoas: basta abrir a torneira. No entanto, esta situação não está ainda generalizada em todo o Mundo, existindo regiões totalmente áridas e outras onde o acesso a água potável é muito difícil. E porque a água potável e acessível constitui uma parcela muito pequena do total da água do planeta, este recurso natural é precioso e deverá ser utilizado de forma sustentável.

 

 


Icon download 971133f13dd07599524333a41de3cfc4fc8c669a8df054c6ebdcfb771f8adf13 Relatório disponibilizado pela ONU ( 784 Visualizações )